Estrelada pela atriz vencedora do Globo de Ouro e do Emmy, Julianna Margulies (“The Good Wife”), THE HOT ZONE: A HISTÓRIA DO EBOLA estreia com um especial por três noites seguidas. Os primeiros dois episódios vão ao ar na segunda-feira, 27 de maio, às 21h00. Os próximos dois, na terça-feira, 28, e os últimos, na quarta-feira, 29 de maio, no mesmo horário.

A série narra o surgimento do Ebola no Quênia até a chegada da doença nos Estados Unidos, no final da década de 1990. Inspirada nos eventos reais descritos no best-seller internacional de Richard Preston, THE HOT ZONE: A HISTÓRIA DO EBOLA conta com um elenco composto por nomes como Julianna Margulies (“The Good Wife”), Liam Cunningham (“Game of Thrones”), Topher Grace (“BlackKKKlansman”), e James D’Arcy(“Homeland”).               

Em 1989, em um laboratório científico nos arredores de Washington DC, o vírus Ebola faz sua primeira aparição conhecida em solo americano. A descoberta e a contenção desse filovírus letal, que atinge uma taxa de mortalidade de até 90%, é graças a um grupo de cientistas e soldados liderados pela tenente-coronel Nancy Jaax, interpretada por Julianna Margulies em THE HOT ZONE: A HISTÓRIA DO EBOLA.

O thriller científico lança um olhar aterrorizante para 1980, quando um médico desavisado no Quênia examina um paciente com sintomas nunca antes vistos. Nove anos depois, uma colônia de primatas adoeceu em um centro de pesquisa a pouco mais de 30 quilômetros do Capitólio dos EUA. Amostras de tecido dos macacos foram enviadas para Nancy Jaax (Margulies), tenente-coronel do USAMRIID, as instalações mais importantes do Exército americano para a investigação defensiva de medidas preventivas contra a guerra biológica.

O instinto e a experiência de Jaax lhe disseram que ela estava enfrentando algo muito pior do que uma infecção comum por primatas. Apesar do ceticismo de seus colegas, o Dr. Peter Jahrling (Grace) e Coronel Vernon Tucker (Robert Wisdom), mas com o apoio de seu marido, o tenente-coronel Jerry Jaax (Noah Emmerich), um veterinário do Exército dos EUA, e seu mentor Dr. Wade Carter (Cunningham), ela continua até descobrir a verdade.

Graças à perseverança de Nancy, evidências científicas revelam a verdade sobre a situação, forçando o Exército a agir para conter um surto. A série também mostra o final dos anos 1970 para mostrar como o Dr. Carter e Travis Rhodes (D’Arcy) acompanharam, estudaram e tentaram conter o Ebola na África pela primeira vez.

THE HOT ZONE: A HISTÓRIA DO EBOLA tem Lynda Obst da Lynda Obst Production como produtora executiva; Ridley Scott, da Scott Free Production; e David Zucker, Kelly Souders e Brian Peterson. Michael Uppendahl também é produtor executivo. Jeff Vintar é produtor co-executivo. Para a National Geographic, Carolyn G. Bernstein é vice-presidente executiva e diretora de desenvolvimento e produção de espaços com script em todo o mundo. A série é produzida pela Fox 21 Television Studios, pela Lynda Obst Productions e pela Scott Free Productions.

THE HOT ZONE: A HISTÓRIA DO EBOLA estreia com um especial que dura três noites: segunda-feira, 27 de maio, terça-feira, 28, e quarta-feira, 29, a partir das 21h00 na National Geographic, com dois episódios por noite. Todos os episódios estarão disponíveis no Nat Geo App.

Continue no CosmoNerd para mais novidades, listas e análises da cultura pop, geek e nerd. Aproveite para se inscrever em nosso canal do Youtube, ativando as notificações para não perder nenhuma novidade em vídeo.