Muito além da Netflix: serviços de streaming que valem a pena conferir

0
174
Streaming - Imagem de StockSnap por Pixabay
Imagem de StockSnap por Pixabay

O consumo de entretenimento mudou muito nos últimos anos, tanto no Brasil quanto no mundo. Através da distribuição digital de conteúdo, o acesso às novidades – e até aos títulos antigos – de programas, filmes e séries ficou muito mais fácil. A praticidade de ver tudo direto da internet e quase que em tempo real, sem ter que esperar nem mesmo o download do arquivo — muito menos ter que sair de casa para ir à locadora — é o grande motivo do sucesso dos serviços de streaming.

A tecnologia streaming é uma forma de transmissão instantânea de dados de áudio e vídeo através de redes. Por meio do serviço, é possível assistir a filmes ou escutar música sem a necessidade de fazer download, o que torna mais rápido o acesso aos conteúdos online. Com isso, através de um tablet, computador, notebook, ou celular, você assiste a qualquer momento os seus conteúdos preferidos.

Não há dúvidas de que a Netflix ajudou na expansão deste serviço no Brasil. Mas, o sucesso é realmente mundial. Um estudo divulgado pela Sandvine revelou que os serviços de streaming são os que mais estão consumindo o compartilhamento da banda de internet dos usuários de todo o mundo. A Netflix apareceu como líder, usando quase 15% do volume total de downloads dos usuários. Em alguns lugares essa porcentagem aumenta para 40% do uso total de dados no final do dia.

Apesar de ser o preferido, a Netflix não está livre de concorrência. A popularização das séries está tornando os consumidores cada vez mais exigentes e rápidos. Em um dia, muitos assinantes assistem uma série inteira, e logo ficam ansiosos por mais novidades e episódios. Com isso, fica difícil que um único serviço de streaming atenda a expectativa e demanda dos consumidores.  

Por isso, o segmento está crescendo e o mercado já reúne uma lista considerável de alternativas. Algumas plataformas, por exemplo, oferecem dois serviços: compra/aluguel e streaming; outras acumulam filmes completos existentes no YouTube, e algumas armazenam compilados de filmes clássicos e documentários que não são encontrados tão facilmente. Um desses serviços, inclusive, preza pela inclusão social, contando com opções de títulos que são produzidos ou representados com pelo menos uma pessoa negra.

Confira as vantagens de cada opção de streaming do mercado brasileiro:

Globoplay

Esse é um serviço de streaming que tem se destacado bastante, justamente por possuir toda amplitude da programação da maior emissora de TV do país, ao mesmo tempo que consegue oferecer aos seus assinantes séries estrangeiras exclusivamente por aqui, como Killing Eve e Deadly Class. Além disso, o Globoplay também possui seu acervo de originais como a recém lançada série Shippados, estrelada por Tatá Werneck. Sem dúvida, vale a pena experimentar.

Telecine Play

O Telecine Play é o serviço de vídeo sob demanda dos canais Telecine. Em suma, você pode assistir nele qualquer filme que já estreou em qualquer um dos canais que compõem o pacote Telecine — Action, Cult, Fun, Pipoca, Premium e Touch. A diferença está no fato de ser uma oferta sob demanda, ou seja, você pode assistir a um filme na hora que quiser. O conteúdo está em alta definição e disponível a qualquer momento e sem pagar nada mais para isso, o Telecine Play está disponível apenas para assinantes do pacote Telecine (ou seja, você precisa ter, antes de tudo, uma assinatura de TV a cabo). O serviço, porém, pode ser acessado por meio do PC ou dispositivos portáteis com Android ou iOS.

Preço: gratuito e exclusivo para assinantes do pacote Telecine.

Google Play

O Google ainda não possui um concorrente de fato à Netflix, mas nunca se sabe o que a gigante da web pensa para o futuro. Atualmente, porém, sua loja online já conta com a possibilidade de aquisição e aluguel de filmes, tudo em formato digital e alta definição. Assim, você pode acessar o serviço por meio de navegador, tablet ou smartphone, encontrar a película que deseja e escolher se quer comprar ou alugar. Depois, basta dar play e assistir ao filme escolhido. Apesar de prático, este serviço pode não ser o mais barato — sua vantagem, porém, está em oferecer acesso rápido a lançamentos.

Preço: varia de acordo com filme e modalidade de negócio (compra ou aluguel).

Looke

100% nacional, o Looke é a alternativa perfeita para quem não é assinante de TV a cabo, mas quer ter acesso a um acervo tão extenso quanto o de um “Now” ou “Vivo Play”. Disponível tanto por um valor mensal (como a Netflix) quanto para aluguéis avulsos (como uma locadora à moda antiga), o Looke costuma receber os lançamentos mais recentes do cinema, além de contar com uma seleção caprichada de clássicos e filmes cult. Para quem gosta de filmes, é a opção mais completa e fácil.

Preço: varia de acordo com o pacote escolhido (entre R$16,90 e R$25,90).