Skin – À Flor da Pele | Assista ao trailer do filme sobre supremacista arrependido

111

A Pagu Pictures acaba de divulgar o cartaz e trailer brasileiros de “Skin – À Flor da Pele”, que estreia nos cinemas em 26 de março. Baseado na história real de Bryon ‘Babs’ Widner (Jamie Bell), o filme, dirigido por Guy Nattiv, acompanha a transformação do violento jovem, tatuado dos pés à cabeça com símbolos racistas, que decide abandonar a facção neonazista onde foi criado pelos líderes da gang. Ao se apaixonar por uma mãe solteira (Danielle MacDonald) de três filhas, Bryon só quer ter uma vida normal ao lado da nova família, mas a ruptura com o movimento traz graves ameaças e riscos não apenas para ele, mas também para a mulher e as meninas. Assista ao vídeo acima.

Exibido nos Festivais de Toronto, onde recebeu o Prêmio da Crítica, Berlim e Tribeca, ‘Skin’ deriva do curta homônimo que rendeu um Oscar a Nattiv em fevereiro de 2019. A atuação de Jamie Bell, que foi revelado ainda adolescente com o filme britânico “Billy Elliot,” assim como a de Danielle MacDonald (Happy Cake$)), têm sido aclamadas pela critica especializada. No elenco também estão a premiada atriz Vera Farmiga, Bill Camp, Daniel Henshall e Mike Colter, no papel de Daryle Jenkins, ativista fundador do “One People’s Movement”, que ajudou Bryon a se reconstruir. Ele trabalha para resgatar membros de grupos segregacionistas e neutralizar, junto ao FBI, as células que disseminam o ódio racial nos Estados Unidos.

O roteirista e diretor israelense Guy Nattiv, neto de quatro sobreviventes do holocausto, conta que ao ver o rosto limpo e ler sobre o perigoso e doloroso processo vivido pelo ex-skinhead americano num jornal em Tel-Aviv, quis saber mais e foi encorajado pelo avô a seguir adiante com a seguinte afirmação dele:  “Essas são as histórias de que o mundo mais precisa”.

Skin – À Flor da Pele é baseado no documentário-curta vencedor do Oscar e conta a história de Bryon Widner, um notório jovem supremacista branco. Coberto de tatuagens racistas da cabeça aos pés, Bryon leva uma vida cheia de violência e ódio. Quando ele conhece Julie e suas três filhas, ele decide abandonar o movimento neonazista e transformar sua vida com a ajuda de um ativista negro e de sua nova família. Enquanto tenta mudar sua vida, Bryon e sua família sofrem constantes ameaças de sua antiga gangue. Mas, com a ajuda do FBI, ele muda de identidade e passa por 25 procedimentos de remoção de tatuagens ao longo de quase dois anos, em troca de informações sobre seus antigos parceiros.

Continue no CosmoNerd para mais novidades, listas e análises da cultura pop, geek e nerd. Aproveite para nos seguir em todas as redes sociais (Facebook, Twitter, Instagram e Youtube) para não perder nenhuma novidade.