Alejandro Jodorowsky diz o que achou sobre o trailer do novo Duna

26
Arte conceitual de Moebius

O trailer do filme Duna, de Denis Villeneuve (Blade Runner 2049), empolgou muito gente. Mas pelo jeito não todo mundo. Alejandro Jodorowsky, diretor chileno que tentou fazer uma adaptação nada comercial do longa nos anos 70, comentou o que achou do primeiro trailer disponibilizado pela Warner Bros. semana passada. Veja o que ele falou (via IndieWire) sobre suas impressões:

“Eu vi o trailer. Está muito bem feito. Dá pra ver que é cinema industrial, que há muito dinheiro e que é muito caro. Sendo tão caro, devia pagar na proporção. E esse é o problema: não há surpresas. A fórmula é idêntica ao que é feito em todos os lugares. A iluminação, a atuação, tudo é previsível.”

Jodorowsky foi além:

“O cinema industrial é incompatível com o cinema de autor. Para o primeiro, o dinheiro vem antes. Para o segundo, é o contrário, qualquer que seja a qualidade de um diretor, seja meu amigo Nicolas Winding Refn [de Drive] ou Denis Villeneuve. O cinema industrial promove o entretenimento, é um espetáculo que não pretende mudar a humanidade ou a sociedade.”

A tentativa de fazer uma adaptação de Duna foi mostrada no documentário Duna de Jodorowsky (2013). Em seu longa, o diretor pretendia contar com nomes como Orson Welles e até o pintor espanhol Salvador Dalí. Sua trilha sonora seria comandada pela banda Pink Floyd (referenciada no trailer do Duna de Villeneuve). O quadrinista francês Moebius (autor da arte em destaque) desenvolveu diversas artes conceituais para o longa que nunca saíram do papel.

O longa do diretor Denis Villeneuve conta com um elenco estelar, trazendo Timothée Chalamet (Me Chame pelo Seu Nome; O Rei), Rebecca Ferguson (Doutor Sono), Oscar Isaac (Os Últimos Jedi), Javier Bardem (007 – Operação Skyfall), Josh Brolin (Vingadores: Ultimato), Stellan Skarsgard (Mamma Mia!), Zendaya (Homem-Aranha: De Volta ao Lar), Jason Momoa (Aquaman) e Dave Bautista (Guardiões da Galáxia).

O romance de ficção científica, escrito pelo americano Frank Herbert, já foi adaptado para as telas por David Lynch (Cidade dos Sonhos) em 1984.

O novo Duna chega aos cinemas em 17 de dezembro deste ano.