A Vida Invisível é indicado a principal premiação do cinema independente

0
a vida invisível

Longa de Karin Aïnouz concorr na categoria Melhor Filme Internacional; filme já está em exibição nos cinemas

A Vida Invisível’, de Karim Aïnouz, acaba de ser indicado ao Independent Spirit Awards, onde concorre na categoria  de Melhor Filme Internacional. A premiação, que é a principal do cinema independente e um importante termômetro para o Oscar 2020, será realizada em 8 de fevereiro de 2020, nos EUA.

É uma honra nosso filme ter sido nomeado. É um reconhecimento do nosso esforço, do cinema brasileiro. Tendo trabalhado tanto tempo dentro da comunidade do cinema independente americano, nos anos 90, esta indicação me contamina de energia – a energia de alta voltagem que está na origem do cinema independente no Brasil e no mundo. E que honra estar ao lado de Retrato de Uma Mulher em Chamas, Parasita, Souvenir, Os Miseráveis e Retábulo. Viva o cinema brasileiro! Vamos torcer pelo que nos une, e não pelo que nos separa”, comemora o diretor.

Recebo com grande satisfação essa indicação ao mais importante prêmio do cinema independente. A Vida Invisível merece esse reconhecimento e o cinema nacional também”, celebra Rodrigo Teixeira, produtor do longa, que também teve seu filme O Farol, de Robert Eggers, indicado a cinco categorias no Spirit Awards.

A Vida Invisível’ vem conquistando prêmios importantes nos principais festivais do mundo, como o Grand Prix da mostra Un Certain Regard, no Festival de Cannes – inédito na história do cinema brasileiro –, além de prêmios do público de Melhor Filme e do júri de Melhor Fotografia, no Festival de Cinema de Lima; o CineCoPro Award, no Festival de Munique, e recentemente na Espanha levou três prêmios da Semana Internacional de Cine de Valladolid, incluindo Melhor Atriz para as protagonistas Carol Duarte e Julia Stokler e o prêmio da crítica internacional, o FIPRESCI.

Com distribuição conjunta da Sony Pictures e Vitrine Filmes, o sétimo longa-metragem da carreira de Karim Aïnouz é também o escolhido pelo Brasil para concorrer a uma vaga na categoria Melhor Filme Internacional no Oscar® 2020 e entrou hoje em cartaz nas cidades de Aracaju, Belém, Belo Horizonte, Brasília, Campinas, Curitiba, Florianópolis, Fortaleza, Goiânia, Jaboatão dos Guararapes, João Pessoa, Maceió, Natal, Niterói, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro, Salvador, Santos, São José, São Paulo, Teresina e Vitória.

Nos EUA ‘A Vida Invisível’ terá distribuição da Amazon Studios e já foi vendido para mais de 30 países, incluindo Grécia; França; Polônia; China; Hungria; Eslovênia; Croácia; Luxemburgo; Bélgica; Holanda; Sérvia; Argélia; Egito; Irã; Israel; Jordânia; Líbia; Marrocos; Emirados Árabes; Reino Unido; Portugal; Itália; Coréia do Sul; Rússia; Cazaquistão; Ucrânia; Taiwan; Suíça; Espanha e Turquia.

Livre adaptação do romance de Martha Batalha, ‘A Vida Invisível’ é uma produção da RT Features, de Rodrigo Teixeira, em coprodução com a alemã Pola Pandora, braço de produção da The Match Factory, de Michael Weber e Viola Fügen, além da Sony Pictures, Canal Brasil e Naymar (infraestrutura audiovisual), e conta com o financiamento do fundo alemão Medienboard Berlin Brandenburg e do Fundo Setorial do Audiovisual/Ancine.

Continue no CosmoNerd para mais novidades, listas e análises da cultura pop, geek e nerd. Aproveite para se inscrever em nosso canal do Youtube, ativando as notificações para não perder nenhuma novidade em vídeo.