Elliot Page ator
Séries

Ellen Page no more! Elliot Page se assume como trans

Ator de Umbrella Academy, após anos de luta, se assume como homem trans

Becky C.

1 dez, 2020

Hoje, o ator Elliot Page assumiu, em carta aberta em seu Twitter, que é um homem trans. Até esta data, Page era creditado como uma atriz, Ellen Page, tendo adquirido notoriedade ao estrelar filmes como Juno, A Origem e Para Roma Com Amor, tendo interpretado também a personagem Kitty Pride nos filmes da franquia X-Men.

Atualmente, o ator é um dos destaques de The Umbrella Academy, e falou um pouco sobre o suporte que tem recebido da comunidade, mas também expõe a sociedade em geral, que não aceita, não quer e mata todos os dias pessoas trans e travestis, condenando todo um grupo de pessoas como menos do que... bem, qualquer outro ser vivo.

Em sua carta, Elliot escreveu:

"Olá, amigos, quero compartilhar com vocês que eu sou uma pessoa trans e meus pronomes agora são ele/elu e meu nome é Elliot. Me sinto abençoado por escrever sobre isso. De estar aqui. De ter chegado a esse ponto na minha vida. 

Sinto-me cheio de gratidão pelas pessoas incríveis que me deram apoio durante essa jornada. Não consigo descrever o quão incrível é me amar o suficiente para buscar o meu verdadeiro eu. Eu tenho sido imensamente inspirado por tantas pessoas da comunidade trans. Obrigado pela sua coragem, sua generosidade e por estarem sempre lutando para tornar o mundo um lugar mais inclusivo e empático. Eu ofereço toda ajuda que puder e continuarei a me esforçar por uma sociedade cheia de amor e igualitária.

Também peço por paciência. A minha alegria é real, mas é frágil. A verdade é que, apesar de estar extremamente feliz agora e sabendo o quão privilegiado eu sou, também tenho medo. Tenho medo do modo invasivo das pessoas, as piadas, o ódio e a violência.  Sendo sincero, não estou tentando diminuir esse momento de felicidade, que deve ser celebrado, mas quero mostrar o panorama geral. As estatísticas são alarmantes. A discriminação em relação à comunidade trans é recorrente, perigosa e cruel, resultando em consequências horríveis. Apenas em 2020, foram relatados que pelo menos 40 pessoas trans foram assassinadas, a maioria sendo mulheres trans pretas ou latinas. Aos políticos que trabalham para criminalizar  os direitos à saúde de pessoas trans e negam o nosso direito de existir, e para todo aqueles que usam suas plataformas para continuar hostilizando a comunidade trans: as suas  mãos estãos sujas de sangue. Vocês liberam esse ódio vil e essas ofensas cheias de raiva em cima da comunidade trans, em que 40%  dela  já tentou suicídio ou se suicidou. Chega. Vocês não estão sendo "cancelados", vocês estão machucando pessoas. Eu sou uma delas e não ficaremos em silêncio em frente aos seus ataques. 

Eu amo o fato de ser trans. E adoro ser queer. E quanto mais eu me conheço e abraço quem sou, mais eu sonho, tenho mais amor em meu coração e evoluo cada vez mais. Para todas as pessoas trans que têm que lidar com assédio, que se odeiam, são abusades e tem que lidar com a violência todos os dias: eu estou aqui, eu te amo e farei tudo o que puder para mudar o mundo para melhor.

Obrigado por lerem isso.

Com amor, Elliot. " [em tradução livre]

Tanto a Netflix quanto a produção de The Umbrella Academy se manisfestaram de pronto, alegando que estão ansiosos para vê-lo na terceira temporada da série, e que estão orgulhosos dele.

Em um mundo tão violento, poucos sabem que, por exemplo, o Brasil é um dos países que mais mata trans e travestis. A expectativa de vida delus é de 30 anos. A maioria é relegada à marginalidade, à prostituição, sendo pouques aceites em empregos regulares, expulses de casa, violentades pelas pessoas que deveriam amá-les. É sempre uma vitória ver que, por exemplo, houveram 15 deputadas trans eleitas esse ano. Mães e pais de pessoas trans frequentemente sentem pavor 24 horas por dia, com medo de suas crianças serem assassinadas simplesmente por serem quem são. Então, uma figura famosa e influente como Elliot Page estar ao lado da comunidade, lutando por ela, é um passo enorme.

Por mais pessoas com voz para falar sobre a comunidade trans, abraçá-la e cuidar dela. Por mais gente que se posicione, que fique ao lado delus. A comunidade LGBTQ+ não seria nada sem essas pessoas incríveis dando a cara  a tapa, lutando pelos nossos direitos. Vocês sabiam que apenas em 2018 a transexualidade foi retirada do catálogo de doenças da OMS?! Imagine a sua existência ser resumida a isso: uma doença.

CosmoNerd apoia a comunidade e saibam que estamos com vocês! E que venha a 3ª temporada de The Umbrella Academy.

Deixe um comentário