The Witcher | O que esperar da série da Netflix com base nos livros?

0
The Witcher

A série The Witcher já está pertinho de estrear na Netflix. Com base nos livros de Andrzej Sapkowski, a primeira temporada já ganhou algumas imagens e vídeos promocionais demonstrando como será os personagens, as ambientações e um pouco sobre o seu plot principal.

E tomando por base tudo o que se passa nos livros, já sabemos que a história estará no meio da guerra e das tramas políticas, além da escassez dos bruxos. Pois estes já são poucos, quase raros, e as escolas onde eram treinados, aos poucos, foram desaparecendo.

Geralt (Henry Cavill), Yennefer (Anya Chalotra) e Ciri (Freya Allan) formam o trio central da série, e se desenvolvem em uma relação familiar que provavelmente será abordada. Mas ainda assim, talvez seja necessário haver alguns agentes e cenários para que a história ganhe mais peso.

Sabemos que a primeira temporada não irá adaptar todos os contos do primeiro livro “O Último Desejo”. Pensando nisso, trago alguns pontos que a série da Netflix possa abordar (ou não) durante as temporadas de The Witcher:

1. Nilfgaard

Nilfgaard é o maior império da história em The Witcher. Localizado nas terras do sul, com uma economia forte e em crescimento, este império expande seus territórios conquistando na base da demagogia e sangue diversos reinos. O “Exército Negro”, como são chamados os combatentes que vestem armaduras de cores escuras, são uma das grandes vantagens de Nilfgaard, pois possuem um bom treinamento e talentosos comandantes.

Durante toda a trama, o império de Nilfgaard é um dos contrapontos principais com as questões políticas, sociais e raciais no entorno dos personagens. Emhyr var Emreis é o personagem de maior destaque, sendo o imperador altamente inteligente e estratégico e que deve ganhar bastante espaço, de optarem, na série.

2. Ratos

Os Ratos foram um grupo/uma gangue de criminosos importantes para o desenvolvimento e amadurecimento de Ciri. Filhos de uma sociedade que está em guerra, este grupo vive de saques e roubos de estabelecimentos em uma tentativa de sobreviver e ajudar aos que mais necessitam.

3. Vilgefortz

Apresentado nos livros como um talentoso e poderoso feiticeiro, Vilgefortz, é o personagem que Geralt não esperava enfrentar. O bruxo de Rívia é poderoso e conhecido, mas isso não foi o suficiente para que derrotar um dos maiores feiticeiros que aparece nos livros. Espere uma boa luta e um pouco de humilhação.

4. Jaskier/Dandelion

Confirmado para a trama da série da Netflix, Jaskier, conhecido pelos os jogadores da série de jogos da CD Projekt Red como Dandelion, é um dos personagens mais importantes da série. Além de um amigo próximo do bruxo Geralt, ele é um famoso poeta dos Reinos do Norte, assim como um talentoso bardo. Jaskier é um mulherengo e um exímio bon vivant, que estudou na Universidade de Oxenfurt, mas acabou não se formando, apesar de ótima inteligência para os estudos acadêmicos.

5. Regis

Um dos personagens mais misteriosos e poderosos dos livros, e até dos jogos, Emiel Regis é um Vampiro Superior, e que já aparece na história com mais de 400 anos humanos, e por volta de uns 600 anos no calendário élfico. Essa espécie de vampiro é mais perigosa e misteriosa existente no mundo de The Witcher. Resistentes à luz solar, estes ainda possuem uma alta capacidade de regeneração, os tornando quase imortais, além de um intelecto avançado e manipulação sobre as vítimas.

Regis conhece Geralt em um momento delicado da história dos livros e ajuda o bruxo durante alguns eventos. Além de ser um barbeiro, Regis também domina a artes da medicina cirúrgica.

6. Dríades de Brokilon

A guardiãs da floresta de Brokilon são mortais. As dríades são jovens e belas e com um arco e flecha em mãos viram oponentes formidáveis. Utilizando vestimentas que as deixam furtivas, estes seres possuem uma habilidade de não fazer som ou se movimentar pela floresta, sempre protegendo as terras da cobiça do homem.

Aparecendo a partir do segundo livro, “A Espada do Destino“, as dríades acabam por ajudar o bruxo de Rívia em um momento de vida e morte. Eithné, a rainha das dríades, e Milva, uma não dríade, são as personagens que merecem destaques em Brokilon.