Voltron: O Defensor Lendário | Review

0

Qual a primeira coisa que você pensa quando o assunto é cinco jovens que comandam um robô gigante e salvam o mundo? Aposto que a resposta é Power Rangers. Mas antes da Saban investir nos defensores da Alameda dos Anjos, outra turma já havia se aventurado nessa premissa. Foram os paladinos do Voltron, um robô gigante formado por cinco naves em forma de leões gigantes. Incrível.

O ápice da temporada mais famosa de Voltron ocorreu na metade dos anos 80, por isso não se culpe por não conhecer a obra. Para muitos, o único contato com o Defensor Lendário ocorreu nas citações de Ryan Reynolds em Deadpool. Até que a Netflix, em mais um fruto da parceria com a DreamWorks Animation, lançou as duas temporadas da nova fase de Voltron.

Na trama, Shiro, Hunk, Lance, Pidge e Keith auxiliam a Princesa Allura e seu fiel companheiro, Coran, na batalha contra o Imperador Zarkon e suas forças do mal. Para isso, eles criam um elo de amizade e companheirismo com os Leões robôs do planeta Arus, formando assim a única esperança do universo: o Voltron.

Ao longo das duas temporadas vamos acompanhando o desenvolvimento individual, e em equipe, de cada personagem. Assim como suas relações com os leões. Isso é essencial para que a batalha contra Zarkon finalmente chegue ao fim.

Seguindo a cartilha de séries do gênero, os paladinos vão descobrindo novos poderes e funções de seus robôs, fazendo com que Voltron fique cada vez mais poderoso. Ainda assim, a missão nunca fica mais fácil, especialmente quando Zarkon decide agir sem o intermédio de seus lacaios, que apenas acumulam derrotas ao longo dos episódios.

Com as habilidades da bruxa Haggar, o vilão mistura magia e tecnologia para alcançar seus objetivos. Essa é outra das qualidades da animação, que nunca deixa seu viés futurista apagar a mensagem espiritual. A amizade é o elemento principal para o sucesso dos paladinos, ainda que seja testada em alguns momentos.

Apesar de alguns momentos infantis, afinal estamos falando de um produto que ainda mira no público infanto-juvenil, Voltron tem espaço para tensão e a ação tomarem conta, especialmente nos episódios derradeiros da segunda temporada. Lembra até outro fruto da parceria Netflix-DreamWorks Animation: Caçadores de Trolls.

Voltron: O Defensor Lendário é uma ótima pedida para os saudosistas, além de conversar muito bem com a nova geração. O tipo de conteúdo divertido que pode passar despercebido pelo catálogo da Netflix.