Legion s01e05 | Review

0

Quinto episódio de Legion trabalha muito bem a materialização da mente de David Haller, mostrando ainda mais da sua vasta capacidade mutante

É impressionante a capacidade de Legion em surpreender o espectador. Ao longo de quatro episódios (lá leu o último review?) já apontamos diversas vezes o quão a série é inovadora, tanto em relação aos programas inspirados em HQ quanto com qualquer outra da TV estadunidense e, não à toa, o canal FX já confirmou que teremos uma merecida segunda temporada.

Ao final do explosivo desfecho do episódio 4, temos a volta de David Haller (Dan Stevens) e Syd (Rachel Keller) a Summerland, onde ele conta a Melaine Bird (Jean Smart) sobre o encontro com seu marido, Oliver Bird (Jemaine Clement), que está preso no plano astral visitado por David. Kerry Loudermilk (Amber Midthunder)está seriamente ferida após ser baleada pelo Olho (Mackenzie Gray), que por sua vez passou por uma inusitada troca de corpo com Syd e agora está foragido.

Nesse retorno, David está mais confiante do que nunca e disposto a ir resgatar sua irmã, Amy (Katie Aselton), que se encontra encarcerada pela Divisão 3. Essa mudança no comportamento indica não apenas que o mutante está ainda mais ciente sobre suas capacidades, mas também que há mais coisas acontecendo. Além disso, David consegue encontrar um local para que ele e Syd possam finalmente se tocar e emular perfeitamente qualquer prazer carnal através da mente, uma vez que a maior parte dos prazeres humanos provém do cérebro.

Eis que Lenny (Aubrey Plaza), uma das personalidades de David em Legion, passa a tomar controle e decide ir sozinha resgatar a irmã. Nesse ponto acompanhamos a resistência de alguns dos mutantes de Summerland como Ptonomy (Jeremie Harris) sobre ir ajudá-lo, devido às chances de serem capturados pela Divisão 3. Mas eles acabam indo atrás de David mesmo assim, se deparando com uma dose ainda mais forte do potencial do seu poder. A essa altura, a situação já está caótica o suficiente para entendermos que agora quem está no controle é alguém muito mais ameaçador.

A sequência final não apenas é uma das melhores coisas já feitas em Legion, mas também entra para o hall de qualquer coisa feita na TV estadunidense. O corte da sensibilidade auditiva dos personagens, a transposição de planos non sense e a parcial revelação sobre o Demônio de Olhos Amarelos fazem com que ver Legion se fortaleça ainda mais como uma experiência única.

Excelente episódio! Algumas explicações vieram, assim como os fãs das HQs mutantes já podem identificar algumas pistas a respeito dos pais de David e também já é seguro apostar na aparição do Rei das Sombras em Legion. Confira abaixo uma promo do próximo episódio, que vai ao ar hoje à noite no canal FX.