Demolidor 1ª Temporada Ep 6: “Condenado” | Análise – CosmoNerd

0
1178

“Você se tornou um de nós ao colocar essa máscara”

Depois de dois episódios apenas “ótimos”, a série do Demolidor precisava de “Condenado”. Estava faltando o desenvolvimento mais profundo de suas motivações e de como ele está se transformando em um mito na Cozinha do Inferno, seja pro bem ou pro mal.

Após as explosões que consequentemente acabaram com as atividades da máfia russa, Wilson Fisk tenta atingir o Demolidor, que como se não bastasse está prestes a ser pego pela polícia enquanto persegue Vladimir. Claire, Foggy e Karen Page estão no pronto-socorro (assim como metade da cidade) em busca de atendimento após a destruição que deixou muitas pessoas feridas.

Bdaredevil-makes-peace-with-kingpinen Urich é quem aparece numa das cenas mais legais do episódio, onde é feita alusão ao Rei do Crime através de cartas de baralho. Wilson Fisk ainda não chegou lá, mas está muito próximo disso, dado ao seu massivo poder e influência na mídia, polícia e outros agentes da lei. A Cozinha do Inferno parece ter muito pouco para impedir sua total ascensão, afinal, o que poderia fazer contra ele um vigilante mascarado, um jornalista ‘pré-histórico’ e um resto de desafortunados? Uma simples demonstração disso é a articulação que o Rei faz para incriminar quem ele quiser, da maneira que preferir.

Um dos ponDaredevil-18-Daredevil-uses-walkie-talkietos legais da série é que em momento algum temos plena certeza de que o Demolidor irá resolver seus problemas, demonstrando que ele ainda possui muito o que aprender, como na cena onde finalmente Fisk e Murdock se falam. Matt faz um esforço hercúleo durante todo o episódio para salvar Vladimir que seria executado pelos policiais que trabalham para Fisk, afim de conseguir um nome importante para continuar suas investigações. É nesse momento que surge a proposta do episódio, que é questionar suas intenções agora que ele de fato “entrou no jogo”. A linha que pode separar um vigilante bem intencionado de um justiceiro sanguinário é tênue, e será interessante ver esse lado explorado ao longo da temporada.O desfecho dessa situação mostra que de fato o Vigilante agora pode ser um deles, querendo isso ou não.

Uma pausa para elogios às coreografias e cenas de luta da série. Já reparou como o Demolidor se desvia das balas? Isso é puramente história em quadrinhos, onde há espaço para que o real e o absurdo interajam de forma que resulte em algo espetacular. Para o próximo episódio podemos esperar finalmente a aparição de Stick (Scott Glenn) o misterioso mentor de Matt, o responsável por ajudar a desenvolver as principais habilidades do Homem Sem Medo.

Demolidor está disponível no Netflix.