Oca Cervejaria lança linha com tapioca e combinações de lúpulos

21
oca cervejaria linha mani NE IPA

O estilo NE IPA é um dos mais procurados no bares e restaurantes que servem cervejas especiais, e os desafios para tornar os lançamentos cada vez mais atrativos são muito grandes. A Oca Cervejaria, que já havia surpreendido os consumidores com o rótulo Tainá, está trazendo ao mercado a linha Mani, apresentando três novos rótulos inéditos do estilo, lançando mão de uma diferente combinação de lúpulos, frutas e ingredientes como tapioca e aveia. Os rótulos são Amana, Amôri e Rudá.

O uso de tapioca e cereais não maltados como trigo e aveio conferem uma cremosidade intensa, algo que é requisito importante do estilo. Os interessados podem encontrar o primeiro (Rudá, disponível desde 24 de junho) em bares que estão trabalhando com sistemas de delivery e take away, e em ecommerces que atendem todo o país. O intervalo de lançamento é de 15 dias entre cada um dos rótulos da Oca Cervejaria.

Rudá

Rudá é uma NE Double IPA de coloração amarelo vivo de turbidez intensa. Com utilização do processo Duplo Dry Hopping, o resultado é um amargor assertivo com intenso aroma e sabor de frutas tropicais e frutas vermelha como morango e framboesa, devido a dois modernos lúpulos: Barbe Rouge (francês) e Sabro (americano). Harmoniza bem com comidas leves, salmão ao molho de maracujá, Ceviche saladas e massas variadas.

A origem do nome Rudá tem origem indígena e o nome do deus do amor na mitologia de uma das principais tribos de índios brasileira – a tribo tupi.

ABV: 8.4%
Ingredientes: Água, Maltes de Cevada, Aveia, Trigo, Tapioca e lúpulo

Amana

Com utilização do processo Duplo Dry Hopping, o resultado é um amargor correto com intenso aroma e sabor de frutas tropicais e uva branca devido a dois modernos lúpulos: Galaxy (australiano) e Hallertau Blanc (alemão). Harmoniza muito bem com salmão ao molho de maracujá, Ceviche e massas variadas.

A origem do nome Amana é Tupí. Significa chuva, nuvem.

ABV: 8.4%
Ingredientes: Água, Maltes de Cevada, Aveia, Trigo, Tapioca e lúpulo

Amôri

Com utilização do processo Duplo Dry Hopping, o resultado é um amargor assertivo com intenso aroma e sabor de frutas tropicais e frutas amarelas como Tangerina, Toranja, devido a dois modernos lúpulos neozelandeses: Kohatu e Rakau. Harmoniza muito bem com comidas leves, salmão ao molho de maracujá, Ceviche saladas e massas variadas.

A origem do nome AMÔRI tem origem indígena: significa sol.

ABV: 8.4%
Ingredientes: Água, Maltes de Cevada, Aveia, Trigo, Tapioca e lúpulo

Siga a Oca Cervejaria nas redes sociais: Instagram | Facebook

Publicidade