Opinanerd

The Flash reencontrou seu caminho

Charles Luis Castro

27 jan, 2017

O texto a seguir contém SPOILERS do retorno da terceira temporada de The Flash

2016 não terminou da melhor forma para The Flash. O início conturbado da nova temporada foi refletido na queda dos números de audiência, muito por conta das escassas novidades na trama. Era visível que algo precisava ser feito para arrumar a casa. E se nos basearmos em  Borrowing Problems from the Future, décimo episódio da terceira temporada, as mudanças começaram a ocorrer.

Barry e Iris já estão morando juntos, algo que teve início no último episódio. Mas o Velocista Escarlate ainda é assombrado pela visão do futuro onde sua amada é morta por Savitar. E claro que isso afeta seu desempenho em campo, especialmente quando um elemento do futuro surge para perturbar ainda mais sua cabeça. Mas é desse ponto que nasce o principal acerto do episódio.

Fugindo do padrão dos heróis do The CW, Barry decide compartilhar seu segredo, na tentativa de encontrar uma solução o mais rápido possível. Isso é importante para o crescimento do personagem, que já deveria ter percebido que esconder informações nunca ajuda. Também é o resgate de algo que estava em falta na terceira temporada: o trabalho em equipe. Essa é a marca registrada da série e responsável por seus melhores momentos.

Agora Barry terá seus amigos ao lado na hora de estragar a linha temporal novamente, sendo assim ninguém poderá reclamar se tudo der errado. Também já temos um vislumbre dos próximos passos da temporada, com o retorno de velhos rostos e alguns acontecimentos que parecem interessantes. Não é necessariamente uma grande mudança, mas pelo menos apresenta uma nova dinâmica.

Leia também: A repetição de fórmula em The Flash

Outros pontos também parecem avançar em comparação ao ano passado. Caitlin continua sua saga na tentativa de conter seus poderes, mas recebeu uma previsão nada animadora. Porém, a entrada de Julian (Tom Felton) para a equipe representa um sopro de esperança para a mocinha. O jeito mais sisudo do eterno Draco pode acrescentar um tempero ao grupo.

Wally West era outro que estava empacado, muito por causa da proteção daqueles que o cercam. Mas parece que ele finalmente está com o caminho livre para mostrar todo o seu poder. O Kid Flash finalmente está na ativa, quem sabe até poderá substituir o Flash em algum momento.

Já os segredos do novo Harrison Wells começam a ganhar novos contornos, especialmente com a aparição de alguém que parece bastante interessada nele. Já sabíamos que ele está tramando alguma coisa, mas seu passado agora o persegue.

Com todos os pontos positivos, o retorno de The Flash afasta alguns problemas do início da temporada. Resta esperar que as coisas sigam em uma crescente, sem que alguns vícios atrapalhem. O futuro da série parece bem mais interessante agora.

Deixe um comentário