imagem para ilustrar o texto sobre As datas comemorativas de Lisa e Rachel
Hqs e Livros

As datas comemorativas de Lisa e Rachel

Gosta de um clichêzinho gostoso? Pois tome!

Becky C.

9 dez, 2021

Sinopse

Rachel passaria a véspera de Natal em casa; Netflix, chocolate, pijama e uma pele hidratada era tudo o que poderia querer em uma noite chuvosa. Ela só não contava com um blackout acabando com metade das luzes da cidade e trazendo à tona um dos seus maiores medos: o escuro.
Depois de correr desesperada até a porta da frente, ela percebe que existe luz em uma única casa na rua, especificamente ao lado da sua.
Rachel levou um fora de Lisa na infância, e agora, tantos anos depois, ela é a única opção se não quiser encarar a escuridão sozinha. Porém, Lisa também tem um pesadelo se tornando realidade bem no meio da sua cozinha e, quando vê a vizinha batendo desesperada em sua porta, uma ideia nada brilhante surge: as duas fingirem ser um casal.
O que era para ser uma mentira de Natal foi crescendo para os outros feriados e agora, as duas não sabem como terminar isso sem se magoarem e os sentimentos que afloram não era o que elas esperavam.
As datas comemorativas de Lisa e Rachel é uma saga slow burn com contos temáticos das principais comemorações do ano.

E é bom?

As datas comemorativas de Lisa e Rachel é o box que contém as 4 histórias das personagens, começando por Quem Apagou as Luzes?, o início de tudo. Rachel tinha tudo preparado para o seu Natal em casa, sozinha, até que um apagão deixa tudo escuro, exceto... a casa da sua vizinha. Coincidentemente (AMO ESSES CLICHÊS), sua vizinha é uma antiga crush de infância e ex-melhor amiga, Lisa. Vestida da maior cara de pau possível, Rachel implora para ficar com ela até o blackout acabar e Lisa concorda com uma condição: que concorde em fingir serem namoradas, pois arranjaram, justamente na noite de Natal, um encontro às escuras para ela e não tá nem um pouco a fim disso. Sem opção, Rachel concorda e assim começa a saga do namoro fake que começa a reacender certos sentimentos que estavam esquecidos...

As continuações, Quem roubou meu cupido?, Quem acabou com o Halloween? e Quem acendeu as luzes? são tão fofos quanto o primeiro. Lisa e Rachel fazem parte do clichê em que ficamos torcendo para amigas - que OBVIAMENTE se amam de maneira romântica - fiquem juntas, e a cada obstáculo, a cada versão em que não estão juntas, você fica bufando de frustração. Eu mesma ficava gritando sozinha com a Rachel para ela deixar de ser tão pastel e tascar logo aquele beijão na Lisa!

Ana Carolina, ao invés de fugir dos clichês, se amarra neles com maestria, com uma narrativa muito gostosa de se ler, com personagens cativantes e várias cenas que nos fazem torcer e torcer! Muito melhor do que assistir a uma comédia romântica, sinceramente. Os contos são curtinhos, mas o suficiente para nos envolver por completo naquele engodo e esperar que parem de fingir serem namoradas e serem logo de verdade, tudo calculado com precisão para nos fazer sofrer. E cada um se passa em uma data comemorativa diferente, o que torna tudo mais divertido ainda, pois, quem não ama uma datinha especial, não é mesmo?!

Você encontra facilmente As datas comemorativas de Lisa e Rachel AQUI.

Mas, claro, se preferirem, podem comprar os contos separados e apreciarem da maneira como mais gostarem.

Sobre a autora

Ana Carolina tem 22 anos e é do interior de Minas Gerais, tem uma filha chamada Gaia e é apaixonada por gatos. Escreve clichês, slasher e comédias românticas, ama musicais, mas principalmente filmes de terror e livros de suspense. Fala muito no Instagram e Twitter @garotafinal e criou o Boiolaverso, universo compartilhado dos seus livros.

Deixe um comentário