Mercado brasileiro é promissor para desenvolvedores de games mobile

0
159
games mobile Imagem de Gerd Altmann por Pixabay

Os games mobile crescem mundialmente ano a ano. Na América Latina, de acordo com a pesquisa Game Brasil, 52,6% das pessoas têm o costume de jogar jogos eletrônicos, independentemente da plataforma que utilizam. Essas pessoas, em sua maioria, jogam no celular. O mobile é a plataforma campeã: 81% dos latino-americanos preferem jogar no celular.

No Brasil, esse número é ainda maior: 83% das pessoas que jogam utilizam os apps.

Apesar de tantas pessoas jogando, a mais recente pesquisa da Liftoff , líder em marketing e retargeting de aplicativos para dispositivos móveis, mostra que os desenvolvedores de aplicativos Android terão dificuldade na retenção destes jogadores brasileiros.

A pesquisa, realizada em 8 países, aponta que, em termos de retenção de usuário, no Brasil a taxa de conversão em vendas é de apenas 4,2%, contra 15,3% no Canadá.

Já o preço de aquisição de um novo usuário por meio de ações de marketing no Android é de US$ 3,21, enquanto no iOS, esse valor sobe para US$ 4,85. Ou seja, o proprietário de um jogo tem que gastar 51% a mais para conseguir captar um usuário de iOS.

A vantagem está, além do valor, na preferência dos gamers por aparelhos com sistema operacional Android de marcas como Samsung, Motorola e Asus. Para os desenvolvedores, isso significa menores custos na aquisição de usuários, e ainda atender a preferência do público.

Ainda assim o mercado do Brasil é atrativo para os aplicativos de games que querem gastar pouco para adquirir usuários.

Para obter a pesquisa completa, acesse: http://info.liftoff.io/2019-mobile-gaming-apps-report/

Continue no CosmoNerd para mais novidades, listas e análises da cultura pop, geek e nerd. Aproveite para se inscrever em nosso canal do Youtube, ativando as notificações para não perder nenhuma novidade em vídeo.

Sobre a Metodologia

O Relatório de Aplicativos de Jogos para Celular 2019 da Liftoff tem como base a análise de dados internos entre 01/06/2018 e 31/05/2019, incluindo 107,3 bilhões de impressões, 1,6 bilhão de cliques, 81,7 milhões de instalações de apps e 13,9 milhões de IAPs (compras no aplicativo).
O relatório traçou os custos e taxas de conversão associadas ao marketing de jogos móveis, além das taxas de retenção do AppsFlyer (Dia 1, Dia 3, Dia 7, Dia 14 e Dia 30) e o total de downloads e receitas com compras no aplicativo pela Apptopia. Ele também contempla dados divididos por plataforma (iOS e Android), sub-categorias de games (Midcore e estratégia, Casual, Hyper Casual e Casino), regiões (Ásia-Pacífico, Europa, Oriente Médio e África, e América do Norte) e 8 países (Brasil, Canadá, Alemanha, Japão, Rússia, Coreia do Sul, Estados Unidos e Reino Unido).