Games

Conheça os times que participarão do CBLOL 2017!

CosmoNerd

17 jan, 2017

 

Após um CBLoL 2016 cheio de emoções e batalhas épicas chegou a hora de nos prepararmos para o próximo ano.

Já estão definidos os jogadores dos 8 times, com direito a técnicos e jogadores reservas, que vão disputar a Primeira Etapa. Quem é que leva essa?


 

 

 

CNB e-Sports Club

TOPO Pedro "Lep" Marcari
CAÇADOR Gustavo "Minerva" Alves
MEIO Thiago "Tinowns" Sartori
ATIRADOR Pablo "pbO" Bellini
SUPORTE Willyam "Wos"Bonpam
TÉCNICO Hugo "Galfi" Garcia
RESERVA Yan "Yampi" Petermann
RESERVA Pedro "Gafone" Ramos

 

Depois de apostar por três etapas em pratas da casa, a CNB voltou a contratar jogadores de peso para a Segunda Etapa do CBLoL 2016, trazendo de cara o trio LEP-Minerva-TinOwns, que estava na KaBuM. Mesclando a experiência dos três - que estiveram no Mundial 2014 - com o talento puro de pbO e Wos, a equipe reencontrou o caminho para a felicidade e bons resultados. Não foi o suficiente para desbancar a poderosa INTZ de Revolta na final, mas é uma esquadra que se manterá para 2017, onde já terão muito mais sinergia e tempos juntos, transformando a CNB em um oponente muito perigoso.

MUDANÇAS*

A única alteração foi fora de Summoner's Rift: o técnico Djokovic deixa a equipe e Galfi, ex-técnico da KaBuM! eSports entra em seu lugar.

*Em relação ao time titular do CBLoL 2016 - Segunda Etapa.


 

 

INTZ Team

TOPO Marcelo "ayel" Mello
CAÇADOR Gabriel "Turtle" Chaves
MEIO Bruno "envy" Farias
ATIRADOR Micael "MicaO" Rodrigues
SUPORTE Luan "Jockster" Cardoso
TÉCNICO Claudio Godoi
RESERVA João "Marf" Piola
RESERVA Luan "SNK" Almeida
RESERVA Daniel "Daniels" Marcon
RESERVA Diogo "Shini" Moreira
RESERVA Álvaro "Verto" Neto

 

Se a INTZ nos ensinou algo em 2015 e 2016, é que não se pode subestimar qualquer equipe do CBLoL. Certamente veremos uma equipe Intrépida totalmente diferente de antes, já que perderam três dos cinco integrantes da esquadra multicampeã nacional e participante do Mundial 2016. Os Intrépidos recorreram a jogadores conhecidos do cenário e alguns talentos do circuito desafiante, mas que ainda precisam de lapidação mecânica e psicológica. E que casa melhor para isso do que a INTZ?

Diferente daquela equipe de 2015, em que Revolta se juntou a quatro jogadores que já possuiam sinergia, desta vez só sobrou a dupla micaO-Jockster, que terá a árdua tarefa de saber voltar a achar o norte com companheiros muito diferentes de antes. A princípio, a INTZ perde muito a sua força, mas nunca acredite no que você vê no papel - principalmente pela história dos Intrépidos.

MUDANÇAS*
Saem Yang, Revolta e Tockers, jogadores que conquistaram quatro títulos nacionais pela equipe, além do técnico Abaxial, que deixou os Intrépidos pouco após o Mundial. Entram ayelTurtleenvy para o lugar dos titulares, respectivamente, além de MarfShiniVerto, jogadores que estavam na reserva de equipes do CBLoL ou no Desafiante. O psicólogo Claudio Godoi assume a posição de técnico.

*Em relação ao time titular do CBLoL 2016 - Segunda Etapa.


 

 

KaBuM! eSports

TOPO Lucas "Zantins" Zanqueta
CAÇADOR Daniel "Danagorn" Silva
MEIO Guilherme "Vash" Conti
ATIRADOR Renato "TheFoxz" Valsirolli
SUPORTE Marcelo "Riyev” Carrara
TÉCNICO Vinícius "Neki" Ghilard
RESERVA Ricardo "BabyMisty" Junior
RESERVA Renan "Nyu" Silva
RESERVA Alaor "Tomate" Neto
RESERVA Alexandre "Titan" Lima

 

Campeã de 2014 e participante do mundial daquele ano, a KaBum chegou a encerrar suas atividades por certo tempo após a Segunda Etapa de 2016, mas volta a atuar no CBLoL. A esquadra foi reformada, e junta jogadores dos mais diferentes lugares: Filas Ranqueadas, Circuito Desafiante e CBLoL. O bom é que a base da Segunda Etapa foi mantida - Zantins, Danagorn e Vash, o que já garante uma certa sincronia.

A equipe conta com toda a experiência do Danaga para liderar jogadores que já estão a um certo tempo no competitivo, mas ainda precisam alçar novos voos: casos de Zantins, Vash, Riyev e o repatriado TheFoxz (campeão da Copa Latinoamerica Sul em 2016). Ainda é uma incógnita se a equipe conseguirá atuar bem, mas se depender do técnico Neki, ex-Red Canids, o time tem potencial para surpreender.

MUDANÇAS*

Somente o topo Zantins, o caçador Danagorn, o mid Vash e o reserva do meio, Tomate, permaneceram na equipe. Os outros dois titulares, além do técnico e dos reservas, mudaram. Saem Verto, Zuao, Matsukaze, Verfix, Rivabene e o técnico Galfi. Entram para a equipe titular o atirador TheFoxz e o suporte Riyev. Neki será o técnico e BabyMisty, Nyu e Titan completam os reservas.

*Em relação ao time titular do CBLoL 2016 - Segunda Etapa.


 

 

Keyd Stars

TOPO Felipe "Yang" Zhao
CAÇADOR Gabriel "Revolta" Henud
MEIO Murilo "takeshi" Alves
ATIRADOR André "esA" Pavezi
SUPORTE Pedro "Ziriguidun" Vilarinho
TÉCNICO Lorenzo "Jung" Jung
RESERVA Jorge "Verfix" Silveira
RESERVA Marcos "Krastyel" Ferraz
RESERVA André "ManaJJ" Rocha

 

Em 2014, a então Keyd Team foi renomeada para Keyd Stars por sua esquadra formada de grandes jogadores: Mylon, Winged, SuNo, brTT e Loop. Apesar do time galático e do título na Série dos Campeões 2014, e equipe fracassou na Final Regional e se separou. Quase três anos e muitos jogadores depois, a Keyd volta a formar uma esquadra galática: os campeões nacionais Yang e Revolta ao lado do capitão Takeshi, do monstro esA e do talento puro que é Ziriguidun. Resta saber se essa é outra constelação que será ocultada por alguma "nuvem" ou se encontrarão seu lugar na eternidade do competitivo brasileiro como campeões. Um outro diferencial é a vinda de um técnico de ofício para a equipe, após o anúncio de Djoko.

Após anunciar a vinda de dois jogadores coreanos do bootcamp de três meses que fizeram na Coreia, a Keyd deu para trás e reavaliou sua situação. O que se seguiu foi a saída de 60% do time que estava no bootcamp, uma aposta arriscadíssima, já que lá estavam melhorando seu nível individual e coletivo. Outras dúvidas em relação a equipe cercam principalmente Revolta, que retorna à Keyd para sua terceira passagem - sendo que nenhuma das duas primeiras foi bem suscedida. No entanto, desta vez Yang o acompanha, e não há dúvidas de que o caçador ainda mantém um bom relacionamento e entrosamento com Takeshi. Caso as peças da equipe se encaixem, será preciso muita, mais muita força para parar o brilho das estrelas em 2017.

MUDANÇAS*

Saem Alocs, Nappon, Robo e Baiano. Dos quatro, apenas o suporte não havia sido convocado para o bootcamp na Coreia. Entram Yang, Revolta e Ziriguidun para os titulares, Verfix, Krastyel e o "aposentado" manajj para os reservas. O ex-Blumer Djokovic assume a posição de técnico-chefe, enquanto o ex-analista da INTZ, Lorenzo Jung, assume a posição de técnico estratégico.

*Em relação ao time titular do CBLoL 2016 - Segunda Etapa.


 

 

paiN Gaming

TOPO Matheus "Mylon"Borges
CAÇADOR Thulio "SirT"Carlos da Silva
MEIO Gabriel "Kami" Bohm
ATIRADOR Pedro "Matsukaze" Gama
SUPORTE Caio "Loop" Almeida
TÉCNICO Gabriel "MiT" de Souza
RESERVA Rafael "Rakin" Knittel
RESERVA César "juc" Barbosa
RESERVA Rodrigo "TaeYeon" Panisa

 

Do bicampeonato em 2015 para a Série de Promoção na Primeira Etapa de 2016. O ano foi duro para a paiN, que batalhou para mudar valores da casa e dos jogadores para voltar a engrenar bons resultados. O resultado disso foi a saída de jogadores consagrados, como brTT, e a contratação de diversos destaques do CBLoL para assumirem posições na reserva da equipe. O diferencial da paiN em 2017 será principalmente a vasta quantidade de opções táticas para MiT, que tem em seu plantel jogadores como Rakin, juc e TaeYeon, todos capazes de assumir a posição de titular quando o téncico precisar.

A esquadra já provou sua superioridade na XLG Super Cup disputada no começo deste mês, na qual revezou jogadores e testou posições, batendo convincentemente a rival CNB e-Sports Club na final por 2-0. É um time que promete muito pela volta de Loop ao competitivo, mesclando muito talento e experiência ao lado de seus "novos" companheiros. É uma das equipes favoritas ao título, sem sombra de dúvidas.

MUDANÇAS*

Em meio ano, a paiN viu seu atirador de longa data, brTT, deixar a equipe, além da saída do suporte Ziriguidun para a rival Keyd. A equipe então contratou o grande destaque da KaBuM, Matsukaze, e finalmente conseguiu adicionar Loop à posição de suporte, após um hiato competitivo de um ano. O ex-titular TaeYeon foi para a reserva, junto do contratado Rakin, destaque da Big Gods na Segunda Etapa 2016.

*Em relação ao time titular do CBLoL 2016 - Segunda Etapa.


 

 

RED Canids

TOPO Leonardo "Robo" Souza
CAÇADOR Carlos "Nappon" Rücker
MEIO Felipe "Yoda" Noronha
ATIRADOR Felipe "brTT" Gonçalves
SUPORTE Hugo "Dioud" Padioleau
TÉCNICO Fayan "Fayan" Pertys
RESERVA Bruno "Brucer" Pereira
RESERVA Gustavo "Sacy" Rossi

 

Uau. Por onde começamos?

Se você se espantou com a vinda de YoDa e Dioud para a Segunda Etapa de 2016, o que dirá de brTT, Robo e Nappon para 2017?

A RED Canids novamente faz apostas arriscadas, trazendo grandes nomes e uma grande torcida para a equipe, além de mexer no plantel colocando YoDa de volta em sua posição originária, meio. É uma equipe formada por grandes nomes do cenário em cada posição, além de um técnico holandês que tem sua primeira experiência no Brasil, mas que possui em seu currículo passagens por SuperMassive eSports (campeã da TCL de Primavera 2016), SK Gaming e NaVi.

Nem sempre equipes formadas por grandes nomes conseguem convencer dentro de jogo, mas no papel a nova Matilha Vermelha chega como uma fortíssima concorrente ao título, principalmente pelo quanto brTT quer se provar - novamente ao lado de Dioud, YoDa muito motivado de volta à sua posição e a dupla Robo-Nappon, que chegam de um bootcamp de três meses na Coreia e dispensa da Keyd. A força de vontade e motivação consegue unir os lobos a caminho do título?

MUDANÇAS*

Muitas alterações na matilha. Saem: beansu, Ayel, Eryon e o técnico Neki. Os ex-Keyd Robo e Nappon entram, junto de brTT e o técnico Fayan. Brucer e Sacy passam para a reserva da equipe, e YoDa muda de caçador para meio.

*Em relação ao time titular do CBLoL 2016 - Segunda Etapa.


 

 

Remo Brave E-Sports

TOPO Vinicius "Thulz" Machado
CAÇADOR Alanderson "4LaN" Meireles
MEIO Danniel "Evrot" Franco
ATIRADOR Matheus "Sarkis" Sarquis
SUPORTE Victor "Cabuloso" Oliveira
TÉCNICO Erick Cardoso
RESERVA Rafael "RafaP" Pinheiro
RESERVA Fernando "Ferchu" Aoki
RESERVA Igor "Duds the Boy" Almeida
RESERVA Lucas "Koga" Godoy

 

Após perder o acesso ao CBLoL na Primeira Etapa ao perder para a CNB e-Sports na Série de Promoção, o Remo Brave voltou a campo no Circuito Desafiante 2016 - Segunda Etapa. Sem dar chances, os leões atropelaram a concorrência, vencendo 16 partidas de 16 disputadas. No segundo semestre deste ano, o Remo sofreu um baque ao perder seu grande destaque, o caçador 4LaN, mas as partes se acertaram e o jogador voltou para a equipe, o que significa que a mesma esquadra que passou o carreto no Desafiante agora enfrentará a elite do competitivo brasileiro em 2017.

MUDANÇAS*

Além de reaver 4LaN, a equipe contratou o reserva RafaP, que atuava como analista na Kaos Latin Gamers Movistar, do Chile. Fora isso, o Remo trouxe outros grandes talentos do Circuito Desafiante para integrar o banco de reservas da equipe, casos de Duds the Boy, k0gaFerchu

*Em relação ao time titular do Circuito Desafiante 2016 - Segunda Etapa.


 

 

Operation Kino

TOPO Franklin "Aoshi" Coutinho
CAÇADOR Filipe "Ranger" Bairros
MEIO Matheus "MC DYNQUEDO" Miranda
ATIRADOR Lucas "LUSKKA" Rentechen
SUPORTE Emerson "BocaJúnior" Aires
TÉCNICO João Pedro "Dionrray" Barbosa
RESERVA Eduardo "Akrinuss" Chung
RESERVA Samuel "Apollo" Pimentel
RESERVA Leonardo "Kier" Santiago
RESERVA Renan "Kvrak" Machado
RESERVA Humberto "Garotumb" Filho

A Kino é outra que busca voltar a surpreender após um bom ano de 2016. Na Primeira Etapa, chegaram às semis; Na Segunda, após penalidade de pontos por irregularidade na inscrição de jogadores, a equipe amargou a luta contra a Série de Promoção. A mudança é brusca: nenhum jogador de 2016 ficou para o plantel de 2017, nem mesmo a comissão técnica - todos foram para a equipe ProGaming e-Sports, que irá disputar o Circuito Desafiante.

A OPK de 2017 resgata alguns jogadores da Big Gods da Segunda Etapa, além de talentos das Filas Ranqueadas e de equipes do Circuito Desafiante. A equipe chegou às semifinais da XLG Super Cup, disputada no começo de dezembro. Apesar de não contarem com o titular Aoshi na série em que foram eliminadas pela CNB por 2-0, mostraram uma boa atuação, principalmente através do meio DYNQUEDO. É uma equipe que ainda tem potencial para melhorar, e pode criar bastante confusão nos confrontos contra os adversários do CBLoL.

Deixe um comentário