itau unibanco riot games
Games

Itaú Unibanco fecha parceria inédita com Riot Games para crescer nos eSports

Edipo Pereira

22 out, 2021

Neste início de outubro (7), a Riot Games e o Itaú Unibanco fecharam uma parceria inédita para a final brasileira do Wild Tour e o Valorant Last Chance Qualifier, que já ocorreram. Os torneios dos jogos League of Legends: Wild Rift e Valorant, respectivamente, são ambos desenvolvidos pela Riot Games, e o banco se tornou a primeira marca a patrocinar o Wild Tour Finals, além de também estar presente no Last Chance Qualifier.

No acordo, a marca do Itaú teve o direito à exposição nas transmissões das duas competições, que ocorreram no dia 8 a 10 de outubro (Wild Tour Finals) e 11 a 17 de outubro (Last Chance Qualifier). No último, o banco também pôde promover conteúdos inéditos, como dicas financeiras através do sistema de moedas do Valorant, um recurso indispensável para jogadores que buscam vantagem contra o adversário. 

Já a Riot Games, com o apoio do Itaú, fez uma série de programas, onde pro-players e casters explicam como funciona a economia dos itens e moedas do jogo. Segundo o head de eSports da Riot Games no Brasil, Carlos Antunes, "Estamos muito contentes em poder contar com o Itaú, uma marca tão inovadora e que já vem demonstrando sua vocação no apoio aos jogadores, em nossos mais novos eSports, o Wild Rift e o Valorant. Nossos projetos com o Itaú vão levar experiências e conteúdos de bastidores e aprendizado aos jogadores, tornando o Itaú um parceiro também da comunidade na descoberta de novas possibilidades".

Visibilidade 

Já o superintendente de growth marketing do Itaú, Robson Harada, afirmou que o banco tem o interesse de “ajudar a desenvolver e dar visibilidade para essa comunidade e, com isso, mudar o game e a vida dos jogadores.” Isso porque o Wild Rift vem ganhando destaque no universo dos jogos, principalmente por ser um jogo para celulares. 

De acordo com uma pesquisa realizada pela Adcolony, 77% dos brasileiros adultos jogam regularmente usando dispositivos mobile. Além de jogar e assistir às partidas de eSports, amantes da jogatina também podem usar o celular para acessar o Bet365 apostas online e unir o útil ao agradável. Diretamente da plataforma de apostas, usuários do bet365 podem dar palpites em modalidades de eSportes indo do League of Legends ao CS:GO enquanto aproveitam um bônus de boas vindas robusto.

Harada completou a sua fala dizendo: “Em mais um projeto de cocriação, o Itaú quer entender melhor esse segmento e, juntamente com os gamers, construir caminhos de oportunidades com os e-Sports, em diferentes jogos, dos mais estabelecidos aos novos e promissores como o Wild Rift".

E não é a primeira vez que o Itaú Unibanco se envolve nesse universo: apenas nos últimos meses ele fechou patrocínio ao retorno da Taça das Favelas Free Fire, acertou um aporte à Mibr, contemplando equipes de CS:GO Feminino, CS:GO, CS:GO Academy e Rainbow 6 Siege, e patrocinou o torneio nacional de Fortnite, Flakes Power Cup.

TSM vence a Wild Tour Finals

E no dia 10 de outubro, a TSM foi a grande campeã do torneio de Wild Rift, garantindo a sua vaga para o primeiro campeonato internacional do jogo, a Horizon Cup. A final foi realizada em cima de um MD7 - ou seja, o primeiro time que ganhasse quatro partidas, venceria o campeonato. Porém, a equipe só venceu após 7 partidas intensas, onde mostrou o seu estilo agressivo e único de uma maneira que nunca tinha feito antes. 

O objetivo da equipe é vencer a Wild Rift Horizon Cup, que começa no dia 13 de novembro e acontecerá em Singapura. A TSM já afirmou já estar focando nos treinos para o mundial, e estudando os times estrangeiros. Segundo Petroni, “no LoL de Pc não tem um desempenho tão bom lá fora, mas acho que o Wild Rift vai ser diferente. A gente está basicamente começando no jogo junto com eles e treinando tanto quanto eles. Lá fora não vai ter dificuldade para nós.”

Deixe um comentário