homem-aranha-sem-volta-para-casa-tres-miranhas-duende-verde
Filmes

Sem Volta para Casa: US$ 1,8 bilhão pra conta e Uncharted na liderança

Tom Holland lidera as bilheterias com o lançamento da adaptação do jogo; estreia acontece dia 17 de fevereiro

Edipo Pereira

14 fev, 2022

A saga de Homem-Aranha: Sem Volta para Casa continua a trazer retorno financeiro para os bolsos da Sony Pictures. O longa produzido em associação com o Marvel Studios chegou à marca dos US$ 1,804 bilhão nas bilheterias pelo mundo, colocando a produção cada vez mas perto da marca dos US$ 2 bilhões. Mas será ainda possível?

Tudo depende da China. Devido às restrições com a COVID-19 para a promoção dos cinemas, as salas de lá não receberam o terceiro filme solo do teioso de Tom Holland. Caso isso ocorra, é prudente supor que mais US$ 200 milhões entre para a conta e a marca seja atingida.

Falando em Tom Holland, seu novo filme Uncharted: Fora do Mapa (também da Sony) teve uma estreia bastante sólida nos EUA, arrecadando US$ 21,5 milhões. Comparado a outros blockbusters que estrearam em tempos de pandemia como Viúva Negra, Eternos e Shang-Chi, os números iniciais são de 10 a 20% maiores.

Em Uncharted, o esperto Nathan Drake (Tom Holland) é recrutado pelo caçador de tesouros Victor “Sully” Sullivan (Mark Wahlberg) para recuperar uma fortuna perdida há 500 anos. O que começa como um golpe, acaba se tornando uma aventura épica que se estende por todo o mundo para alcançar o tesouro antes do implacável Moncada (Antonio Banderas), que acredita que é o herdeiro legítimo da fortuna. Se Nate e Sully forem capazes de decifrar as pistas para resolver um dos mistérios mais antigos do mundo, eles podem encontrar o tesouro e talvez até o paradeiro do irmão há muito tempo perdido de Nathan... mas só se eles aprenderem a trabalhar juntos.  A estreia acontece no próximo dia 17 de fevereiro.

Uncharted fora do mapa

Homem-Aranha: Sem Volta para Casa se passa quando pela primeira vez na história cinematográfica do Homem-Aranha, a identidade do herói amigão da vizinhança é revelada, colocando suas responsabilidades de super-herói em conflito com sua vida normal e colocando em risco aqueles com quem ele se preocupa. Quando ele pede a ajuda do Doutor Estranho para restaurar seu segredo, o feitiço abre um buraco em seu mundo, liberando os vilões mais poderosos que já lutaram contra um Homem-Aranha em qualquer universo. Agora, Peter terá que superar seu maior desafio, que não apenas alterará para sempre seu próprio futuro, mas também o futuro do Multiverso. Leia nossa crítica.

Via CBM.

Deixe um comentário