Beautiful-New-Bay-Area-Project-de-Kiyoshi-Kurosawa
Filmes

MUBI | Confira os destaques de outubro na plataforma de streaming

Edipo Pereira

28 set, 2020

Neste mês, a MUBI une forças com o Cabíria Festival de Cinema Brasileiro, que desde 2015 incentiva a valorização de roteiristas mulheres e protagonistas inspiradoras, para amplificar as vozes diversificadas das cineastas brasileiras do cinema contemporâneo. Confira mais destaques:

Swallow

Perturbador e sensível, Swallow, de Carlo Mirabella-Davis, apresenta uma narrativa provocante sobre a desconstrução das expectativas de gênero impostas às mulheres e à maternidade. A brilhante atuação da atriz Haley Bennett lhe rendeu o prêmio de Melhor Atriz no Tribeca Film Festival. O longa também foi exibido em Cannes e conquistou o prêmio especial do júri no Deauville Film Festival (2019).

O Estranho Universo de Kiyoshi Kurosawa

Neste mês de outubro, a MUBI abraça o espírito de Halloween com o cinema alucinante do mestre Kiyoshi Kurosawa. Fazendo a ponte entre o cinema de arte e o mundo cinematográfico do terror, sua incomparável carreira tem sido celebrada por grandes festivais e fãs do gênero. Sua prolífica e diversificada filmografia prova que poucos são tão hábeis em cultivar suspense e um sentimento de inquietação, como demonstra o inquietante curta Beautiful New Bay Area Project.

Foco em Éric Rohmer

O último dos diretores da French New Wave pós-Segunda Guerra Mundial a se estabelecer, Éric Rohmer editou o influente jornal Cahiers du Cinéma, ao lado de Jean-Luc Godard e François Truffaut. Diretor, crítico de cinema, jornalista, romancista, roteirista e professor, foi premiado com o Leão de Ouro da Carreira no Festival de Veneza em 2001. Junte-se à MUBI nesta homenagem ao "cineasta mais longevo da French New Wave", assistindo a The Aviator's Wife e A Good Marriage.

Sessão Dupla: Ben Rivers

Depois de coproduzir seu filme Trees Down Here, em 2018, a MUBI revisita novamente o trabalho visionário do artista e cineasta britânico Ben Rivers. Esta sessão dupla apresenta com exclusividade seus dois curtas-metragens mais recentes, o andarilho Ghost Strata e seu singular retrato sobre a preguiça em Now, At Last!

Rabah Ameur-Zaïmeche e os aspectos da história

Desafiador, ousado e original, o cineasta argelino-francês Rabah Ameur-Zaïmeche traz os olhos de um antropólogo e a alma de um inovador para seus filmes. Ao lado de histórias pessoais, ele explora vividamente os traumas do conflito e as feridas profundas impressas pela violência colonial. Neste especial, entenda como Ameur-Zaïmeche conjura os espectros da história nos dias atuais. Confira em South TerminalWesh wesh, qu'est-ce qui se passe?, e Dernier Maquis.

Exclusivos MUBI

  • Breves Encontros (Blue Boy) | (Manuel Abramovich, 2019)

Vencedor do Urso de Prata de Melhor Curta-Metragem em Berlim, em 2019, o documentário Blue Boy, de Manuel Abramovich, analisa trabalhadores sexuais imigrantes em Berlim. Abramovich captura os jovens enquanto eles reagem às suas próprias histórias, em uma série de retratos que exploram a performatividade do cotidiano.

  • Redescobertas (Malina) | (Werner Schroeter, 1991)

A MUBI apresenta com exclusividade a estreia internacional da nova restauração 2k do célebre filme Malina, de Werner Schroeter, que foi a primeira das três colaborações do diretor com Isabelle Huppert. Uma adaptação do romance de Ingeborg Bachmann de 1971, o filme é impulsionado pelo desempenho magistral de Huppert, e apresenta visuais de tirar o fôlego e uma trilha sonora impressionante.

  • Perspectivas (The Young Observant) | (Maria Saakyan, 2006)

The Young Observant, o novo filme do jovem diretor italiano Davide Maldi, foi apresentado na seção Filmmakers of the Present no Festival de Cinema de Locarno e oferece um retrato comovente da adolescência em que a ingenuidade encontra a crueldade. Exalando a elegância formal de Visconti e o misticismo da classe trabalhadora de Pasolini, o longa de Maldi é atemporal, impiedoso, mas sensível, e nos encoraja a olhar para a adolescência de forma diferente, deixando todo o julgamento para trás.

Deixe um comentário