meu-coracao-feroz-filme
Filmes

Meu Coração Feroz e clássicos Húngaros na Supo Mungam

Edipo Pereira

12 jul, 2021

Dois clássicos do cinema húngaro em versão restaurada do aclamado diretor Zoltán Fábri e um lançamento nacional, entram no cardápio da Supo Mungam Plus nesta sexta, 16/07. O drama britânico Meu Coração Feroz, de Jane Gull, inédito no Brasil, acompanha a história de Luke, um jovem com síndrome de Down que valoriza sua independência e é forçado a ir para um lar de cuidados após a morte de sua mãe. Lá, ele repreende as restrições impostas a ele, mas suas frustrações são dissipadas por sua amizade com sua cuidadora Eve, um jovem prestando serviço comunitário e uma misteriosa garota feroz. O filme foi indicado a Melhor Ator e Melhor Atriz Coadjuvante no Prêmio Britânico de Cinema Independente.

Já os clássicos húngaros Os Meninos da Rua Paulo (1968), baseado no popular romance infanto-juvenil de Ferenc Molnár, que fala sobre uma guerra entre duas gangues de estudantes em Budapeste em 1889, foi o primeiro filme húngaro indicado ao Oscar de Melhor Filme Internacional, e O Quinto Selo (1976), um dos melhores filmes kammerspiel do cinema húngaro, com atores e diálogos lendários, foi eleito o Melhor Filme no Festival de Moscou e representou a Hungria no Oscar de 1977.

As estreias na Supo Mungam Plus acontecem todas as sextas-feiras do mês. Disponível para todo Brasil e focada em cinema independente e de arte, a plataforma é uma janela cinematográfica virtual para diversas histórias e culturas, lançando filmes inéditos, clássicos restaurados, obras cults e joias do cinema mundial.

Sinopse e informações

Meu Coração Feroz, de Jane Gull (My Feral Heart, Reino Unido, 2017, 80 min, Drama)

Elenco de Meu Coração Feroz: Steven Brandon, Shana Swash, Will Rastall, Pixie le Knot, Eileen Pollock e Suzzana Hamilton

Luke é um jovem com síndrome de Down que valoriza sua independência. Ele é forçado a ir para um lar de cuidados após a morte de sua mãe. Lá, ele repreende as restrições impostas a ele, mas suas frustrações são dissipadas por sua amizade com sua cuidadora Eve, um jovem prestando serviço comunitário e uma misteriosa garota feroz. Indicado a Melhor Ator e Melhor Atriz Coadjuvante no Prêmio Britânico de Cinema Independente.

Os Meninos da Rua Paulo, de Zoltán Fábri (Hungria, 1968, 104 min, Drama)

Com Anthony Camp, William Burleigh, Mari Törőcsik, Sándor Pécsi e John Moulder Brown

Baseado no popular romance infanto-juvenil de Ferenc Molnár, o filme é sobre uma guerra entre duas gangues de estudantes em Budapeste em 1889. Raramente um filme captou o espírito do livro tão bem. Nemecsek é o soldado simples, pálido, fraco e pequeno. Ele é o único soldado no grupo de crianças, o resto dos quais são todos generais e oficiais. Mas ele também é o mais corajoso e leal: ele se sacrifica para defender o playground. Versão restaurada do primeiro filme húngaro indicado ao Oscar de Melhor Filme Internacional.

O Quinto Selo, de Zoltán Fábri (Hungria, 1976, 107 min, Drama)

Com László Márkus, István Dégi, Ferenc Bencze, Sándor Horváth, Lajos Őze e Zoltán Latinovits.

Budapeste em 1944, os dias mais sombrios da Segunda Guerra Mundial. Um relojoeiro, um livreiro e um carpinteiro estão bebendo em um pub suburbano com o proprietário quando um estranho se junta a eles. O relojoeiro faz uma pergunta hipotética que mudará suas vidas. Um dos melhores filmes kammerspiel do cinema húngaro, com atores e diálogos lendários.

Melhor Filme no Festival de Moscou. Representou a Hungria no Oscar de 1977.

Versão Restaurada.

Deixe um comentário