jiu-jitsu-nicolas-cage
Filmes

Jiu Jitsu | Trailer do melhor filme do ano com Nicolas Cage é lançado; veja

Edipo Pereira

13 out, 2020

Depois da sinopse e primeiras imagens, agora temos o trailer dessa potencial obra prima; Jiu Jitsu chega em novembro de 2020

Há alguns dias, falamos aqui sobre um novo e incrível projeto encabeçado pelo grande astro do cinema Nicolas Cage, que é Jiu Jitsu. Numa trama que faz um blend de artes marciais com perigo alienígena, o filme tem tudo para ser o grande lançamento de 2020. Agora, temos em mãos um trailer completo mostrando mais sobre a promissora história. Assista

Leia a sinopse que extraímos do Adoro Cinema: De seis em seis anos, uma ordem antiga de lutadores especializados em Jiu Jitsu enfrenta um invasor alienígena assustador numa batalha pelo destino da Terra. Mas, quando Jake Barnes, um famoso herói de guerra e mestre de Jiu Jitsu, se recusa a enfrentar Brax, o indomável líder dos invasores, o futuro da humanidade fica por um fio. Ferido e com amnésia, Jake é capturado por um esquadrão militar para combater o intruso, sendo resgatado logo depois por Wylie (Nicolas Cage) e uma equipe de companheiros, que devem ajudá-lo a recuperar a memória e suas forças.

Só posso dizer que a humanidade precisa desse filme. Não tem sido um ano fácil, levando em conta a histórica pandemia que tem ceifado centenas de milhares de vida ao redor do globo.

Recentemente, nosso querido Charles Luis assumiu pra si a responsabilidade de assistir e escrever uma super crítica de filme com Nicolas Cage, que foi A Ilha. Leia aqui.

Além do próprio Nicolas Cage, o estrelado elenco conta com Alain Moussi, Juju Chan, Frank Grillo (o Ossos Cruzados do Marvel Studios) e Tony Jaa (da franquia Ong Bak). Jiu Jitsu conta com direção, roteiro e produção de um cidadão chamado Dimitri Logothetis, de Kickboxer - A Retaliação (2018).

Ps: fui pesquisar sobre esse Kickboxer - A Retaliação e vi que o filme conta com o Rei do Dibre e do rolê aleatório, Ronaldinho Gaúcho, que também é ex-jogador, ex-presidiário no Paraguai e apoiador do governo Bozo.

Deixe um comentário