Escuto rap a pouco tempo e passei muito tempo ignorando esse estilo musical basicamente por preconceito. Pra mim não era música pra mim, era música que instigava violência e o crime… não era nem música direito, mas a pouco tempo passei a escutar bastante e entender toda a filosofia por trás do estilo, e Straight Outta Compton é muito sobre isso: a filosofia do Rap e Preconceito.

O filme, dirigido por, F. Gary Gray (Uma Saída de Mestre) conta a história do grupo de rap mais importante da história, o NWA ou, como no próprio poster diz: O grupo de Rap mais perigoso do mundo. É um drama biográfico mostrando desde quando os garotos saíram de Compton para ganhar o mundo com suas letras polêmicas e sua atitude “gangsta”.

Apesar do grupo conter 5 integrantes, acompanhamos mais de perto o rumo de seus 3 integrantes principais. O primeiro é Dr. Dre, um genial dj que precisa conseguir dinheiro para sustentar sua mulher e filha, ao mesmo tempo que precisa mostrar para sua mãe que o seu sonho de trabalhar com música pode ser de verdade. O segundo é Ice Cube, que antes de virar produtor de filmes ruins era o cara que escrevia as músicas e cantava no grupo. Para finalizar, e não menos importante, temos Eazy E, o produtor e rapper do grupo, que começou sua carreira no tráfico e agora está procurando um modo mais limpo de ganhar a vida… por mais “gangsta” que seja. Como a maioria dos filmes biográficos musicais, vamos acompanhar sua tragetória, a importância deles para a música e problemas que a fama trouxe.

Uma das coisas mais interessantes da película é que acompanhamos como era a vida dos garotos de Compton, um bairro perigoso em que a polícia age de forma truculenta com todos os moradores de cor, pois para eles, todos são traficantes. Essa atitude da polícia ajuda muito a entender a postura deles para com a Força mais tarde. Outro grande acerto do longa é ter conseguido um ótimo cast que, não só se parece com os personagens reais, mas que são ótimo atores, entregando grandes performances dramáticas. Tudo isso recheado com uma ótima trilha sonora com músicas do grupo e de outros artistas.

Straight Outta Comptom é importante, ele mostra como nós somos preconceituosos com aqueles que moram na periferia e mostra também que esses jovens podem ter um futuro na vida além da criminalidade, mostra que eles podem encontrar na música o dinheiro e sucesso que muita vezes são negados a eles. A direção do filme é muito precisa, criando várias cenas muito tensas e outras bem dramáticas. Infelizmente o filme ficou em poucas sessões no Brasil, fazendo-nos perder a oportunidade de ver essa ótima obra dramática no cinema.