Meu Ex é um Espião traz de forma muito bem-humorada Mila Kunis e Kate McKinnon para mundo de espionagem

Imagina você descobrir que seu ex-namorado(a) é um agente caçado internacionalmente? Essa é a premissa da comédia Meu Ex é um Espião, que estreia hoje (23 de agosto) nos cinemas. Dirigido por Susanna Fogel, o longa consegue trazer de forma muito bem-humorada uma aventura nada convencional de duas amigas fugindo de algo que até então elas não conheciam.

Focando na vida de Audrey (Mila Kunis), que ao descobrir que seu ex é um agente secreto passa a ser perseguida por assassinos que procuram um troféu misterioso, a aventura começa quando ela e sua melhor amiga Morgan (Kate McKinnon) embarcam em uma jornada pela Europa, tentando fugir e entregar uma mercadoria para uma pessoa desconhecida.

O filme faz jus ao gênero a que veio, nos dando uma excelente comédia típica daquelas que não se levam a sério. Uma história de espionagem bem cômica, com referências a 007 e Missão Impossível, que consegue nos envolver do início ao fim. Ganhando pontos, ainda, por focar na história de duas mulheres unidas, que mesmo de forma atrapalhada, conseguem se virar, não necessariamente, dependendo de um lado masculino para ajudá-las.

Por mais que possamos encontrar cenas que já vimos antes no cinema – como o de um protagonista que é o único a sair ileso de um tiroteio –, o longa ganha justamente por não se levar a sério. Mesmo tendo um final previsível, o foco está mais ligado na diversão e nas aventuras que as amigas têm ao longo da história do que no próprio desfecho dela. E para aqueles que costumam perceber detalhes nos filmes, vale ressaltar, também, que algumas cenas tiveram pequenos erros de fotografia, como a de um cadáver que em alguns momentos estava de olho aberto e, em outros, de olho fechado. Não dá pra saber ao certo se isso foi proposital ou não, porém, nada que prejudique o resultado (ouso dizer que deixou a cena até mais divertida).

Meu Ex é um Espião é ótimo para quem gosta de uma boa comédia e entrega uma história excelente, com mérito para as protagonistas, que mandaram muito bem no papel. Juntas, elas entregam um longa ambientado nesse mundo de espionagem, mas totalmente fora do padrões.