História combina folclore nacional com as invenções de Santos Drummont da belle epoque brasileira

Há algum tempo, falamos aqui sobre uma campanha de financiamento coletivo para um romance que combinava steampunk com o folclore brasileiro. O projeto em questão se chamava Vera Cruz, escrito por Gabriel Billy, e que agora será lançado pelos nossos parceiros da AVEC Editora.

Imagine se a história do Brasil fosse um universo mágico, repleto de nações e povoado por figuras do folclore nacional, nossos inventores esquecidos, personalidades da família imperial, bandeirantes, revolucionários, artistas, e mais alguns nomes que você irá reconhecer (e outros de quem talvez nunca tenha ouvido falar).

Imagine um mundo fervilhante, onde as incríveis tecnologias que nasceram no Brasil – aviões, dirigíveis, rádio – convivem com a mágica do axé e das pajelanças, e nossos mitos de raiz abrem as portas para a glória ou a danação desse mundo-Brasil chamado Vera Cruz.

É nesse mundo que o ladrão Pedro Malazarte se lança à busca de Ivi Marã Ei, a Terra Sem Males, para encontrar o mais poderoso objeto que existe, a Borduna de Jurupari. A essa jornada repleta de desafios se unirão as figuras mais diversas, como a princesa quilombola Zaila, o índio amaldiçoado Urutau, o inventor frustrado Júlio César Ribeiro, a princesa destronada Isabel de Bragança, o curupira Oiti, e muitos outros personagens apaixonantes.

Confira uma prévia com imagens da edição e ilustrações:

Comentários