Depois de meses ( em jogo e na vida real ) jogando Pandemic Legacy: 1ª Temporada , estou finalmente pronto para fazer uma análise da minha primeira experiência com um jogo Legacy. Segue uma análise SEM SPOILERS.

Para quem não sabe do que se trata, jogos Legacy são jogos que evoluem e se modificam enquanto você joga. O jogo vai se modificando inclusive fisicamente, com adesivos colados e até cartas destruídas. A vantagem é uma experiência única como uma série de TV que vai evoluindo, a desvantagem é que o jogo tem uma vida útil finita.

Resultado de imagem para pandemic legacy

Pandemic Legacy é um jogo cooperativo que traz uma experiência muito parecida com o jogo original. Os jogadores são profissionais responsáveis por tratar uma epidemia de 4 doenças que está se espalhando pelo mundo. Cada jogador tem habilidades diferentes e o objetivo é achar a cura das doenças antes que o mundo entre em colapso. Cada partida jogada representa um mês de um ano enquanto os jogadores estão a enfrentar esse desafio cada vez mais difícil.

Existem dois aspectos de Pandemic Legacy que o diferenciam de outros jogos e tornam sua experiência única. O primeiro é a surpresa de abrir pacotes e puxar cartas do baralho Legacy a cada partida, é uma experiência realmente única e diferente, pois você nunca sabe o que esperar da próxima carta. Aparecem novas regras a cada capítulo e as regras antigas são modificadas, além disso os personagens e o mapa do jogo sofrem modificações que vão perdurar até o final da temporada.

Resultado de imagem para pandemic legacy

O segundo aspecto é o fator de evolução e imersão que o jogo passa de história. Apesar de não focar muito na narrativa, é muito difícil jogar sem imaginar que aquilo tudo é uma temporada de uma série de TV. Os personagens, doenças e outros aspectos muitas vezes não têm nomes ou tem informações muito vagas, isso faz com que os jogadores criem suas próprias narrativas emergentes e imaginem o que está acontecendo ali. Personagens podem criar relacionamentos entre si, morrer, ganhar novas habilidades ou ficar perdidos, tudo isso ajuda na imersão e na criatividade dos jogadores sem desenvolver muito a história.

O trabalho gráfico do jogo está impecável e é muito divertido abrir os pacotes e as fichas de ultra secreto, você se sente realmente descobrindo documentos secretos e desvendando mais peças da história. Até o setup do jogo se torna uma experiência divertida dessa forma.

Resultado de imagem para pandemic legacy

Um dos pontos fracos do jogo é realmente o fato de ser uma experiência com fim. O jogo é programado para ter 12 partidas, cada uma representando um mês do ano. Mas todo mês pode ser jogado 2 vezes caso você perca então no final a média fica mais ou menos 16 partidas. Além disso o jogo pode ser jogado como um Pandemic normal depois. Para jogar novamente o Pandemic Legacy usando a mesma caixa é mais difícil por causa de alguns adesivos e componentes destruídos, de toda forma a experiência muda completamente jogando pela segunda vez, muito da graça do jogo vem da surpresa e descoberta.

Outro ponto a melhorar no jogo poderia ser a narrativa final. Os textos de história vão ficando mais interessantes e detalhados perto do fim, com uma história clichê mas interessante sendo desenvolvida. Mas no final tudo que eles dão é uma pontuação e um pequeno texto do que aconteceu com o mundo. Eu senti falta de algo mais, mas como foi dito antes, cabe aos jogadores imaginar o que aconteceu com seus personagens e o mundo que habitam.

Resultado de imagem para pandemic legacy

Pandemic Legacy é uma experiência que deve ser jogada por todos os amantes de jogos de tabuleiro. Não é um jogo barato e pode assustar muitos pelo seu aspecto finito, então eu entendo que muitos se sintam repelidos, é mais do que justo. Mas para aqueles que desejam se aventurar por uma experiência completamente nova, a jornada é muito divertida e empolgante. A segunda temporada já foi confirmada e promete trazer uma experiência ainda mais inovadora, não perco por esperar!

Patrocinado

Comentários